O que fazer enquanto se espera?
Por Cari Silva

pexels-photo-374777

Já percebeu o quanto está cada vez mais difícil esperar? Seja pelo que for. Temos um certo desconforto quando alguém se atrasa para nos encontrar. Achamos difícil esperar em algum lugar sem nos ocupar com o celular, por exemplo. Para os curiosos, chega a ser uma tortura quando alguém diz: “espera eu te encontrar para te contar”. Algumas pessoas parecem sofrer mais com o tempo da espera.

A espera tem muito a ver com paciência. Dificilmente uma pessoa paciente terá grandes problemas em esperar.

Espera também tem a ver com esperança. E esperança é a confiança de que algo bom acontecerá.

A grande questão é “O que fazer enquanto se espera?”

Na música “While I’m Waiting” do John Waller diz que embora seja doloroso esperar, ele fará isso com paciência, coragem e confiança. E enquanto espera, sua ocupação será adorar e servir a Deus. Essa música retrata a confiança em Alguém que dará a recompensa tão esperada.

Nos nossos momentos de espera, muitas vezes nos perdemos em preocupações e ansiedades e esquecemos EM QUEM esperamos. Não esperamos que nossos sonhos se realizem na força do nosso braço. Não esperamos que o mundo traga a alegria ao nosso coração. Não esperamos que os médicos curem a doença. Não esperamos encontrar a pessoa amada através dos nossos esforços. Não! Nossa espera está em UMA PESSOA que é a própria esperança: Jesus!

“[…] viverei até ver a bondade do Senhor na terra. Espere no Senhor. Seja forte! Coragem! Espere no Senhor.”, Salmo 27:13-14

O Salmista entendeu que esperar no Senhor lhe exigiria força e coragem.

Talvez a sua realidade não dê nenhuma garantia que sua espera será recompensada. Pode ser que você olhe ao redor e não enxergue nenhuma esperança. Por isso, o convite hoje é: olhe para cima. Olhe para Deus e acredite mesmo contra a esperança. Ainda que tudo pareça cooperar de forma contrária, saiba que em DEUS está a nossa confiança: a certeza de que algo bom acontecerá. Você não precisa entender tudo, apenas confiar.

“Não havia esperança, mas Abraão creu, decidido a viver não com base no que sabia que era incapaz de fazer, mas no que Deus disse que ele faria… Abraão não ficou pensando em sua incapacidade, dizendo: “Sem chance. Este corpo de cem anos nunca vai gerar um filho”. Ignorou décadas de infertilidade de Sara e foi persistente. Não foi reticente sobre a promessa de Deus, com questionamentos. Em vez disso, mergulhou na promessa e se fortaleceu. Ficou à disposição de Deus, certo de que ele cumpriria o que tinha dito.” (Romanos 4:17-25 destaques da Bíblia “A mensagem”).

Creia! Disponha-se para Deus. Continue esperando n’Ele e, enquanto isso, mergulhe na promessa e se fortaleça. Adore e sirva ao Senhor que é Grande e Poderoso.