Memoriais
Por Cari Silva

entregue-se a Deus aceite Jesus

O povo de Israel estava a caminho da Terra Prometida por Deus. Durante esse caminhar, enfrentaram muitas dificuldades. Alguns dos infortúnios enfrentados foram consequências de pecados: murmurações, desobediências e falta de temor a Deus. Mesmo assim, Deus com Seu infinito amor, os conduziu e, mais do que isso, os protegeu e fez milagres grandiosos diante dos olhos deles. Para que eles não se esquecessem de todas essas maravilhas e não se esquecessem de conta-las aos seus filhos, Deus deu uma estratégia para Josué. Este instruiu o povo para colocar 12 pedras no rio Jordão. Qual era o objetivo? O texto bíblico de Josué 4 mostra claramente e nos oferece grandes lições.

“Então Josué voltou a explicar a finalidade das pedras. “No futuro”, disse ele, “quando os filhos perguntarem aos seus pais: ‘Que significam essas pedras?’, vocês poderão dizer: ‘Aqui o povo de Israel cruzou o rio pisando em terra seca!’ Pois o Senhor, o seu Deus, secou o rio bem diante dos nossos olhos e manteve seco o leito do rio, até que todos tivessem atravessado! A mesma coisa o Senhor, o seu Deus, fez quarenta anos antes com o mar Vermelho! Ele fez assim para que todas as nações da terra saibam que a mão do Senhor é poderosa e para que vocês sirvam e respeitem o Senhor, o seu Deus, para sempre.” (Josué 4:21-24)

A finalidade dessa ação era fazer com que todas as nações da terra soubessem sobre a grandiosidade do poder de Deus e para que o povo de Israel servisse e respeitasse o Senhor.

Josué estabeleceu um memorial para que o povo lembrasse do poder de Deus e ensinasse para os filhos quando, no futuro, eles perguntassem sobre o significado daquelas pedras.

Quais os memoriais que você está levantando na sua vida? Quais são as marcas que você tem deixado? O que as pessoas verão no futuro através de você? O que marca sua caminhada com Cristo?

Não deixe o inimigo levantar os memoriais dele em sua vida: a depressão, a amargura, falta de perdão, solidão, palavras negativas, ações destrutivas, vícios, etc… Esses não são os memoriais que Deus quer de você.

A estratégia é estabelecer memoriais que tenham como finalidade:

  1. Mostrar aos outros o poder de Deus
  2. Servir e respeitar a Deus
  3. Ensinar a nova geração sobre Deus

O eixo central dos memoriais que devemos estabelecer é o poder de Deus.

Esse poder é manifesto em nossas vidas quando obedecemos e somos fiéis ao que Ele ordena. Se você é jovem, estabeleça memoriais com Deus. Memoriais que demonstrem que vale a pena servir e ser fiel à Ele. Quando seus filhos te perguntarem sobre suas “pedras”, você os ensinará que há um Deus grande em poder e que responde aos seus. Se você já não é tão jovem assim, estabeleça memoriais com Deus a partir de HOJE e deixe Ele ser visto em sua vida por todos que estão ao seu redor.

A satisfação em levantar memoriais durante uma caminhada com Deus está em você mesmo poder olhar para trás e ver o que Ele já fez na sua vida.

Comece HOJE os seus memoriais com Ele.
Que Deus te abençoe.